Seja Bem-Vindo ao Nosso Blog Deus Ainda Fala!!! Já Falou Com Deus Hoje? Já Ouviu a Sua Voz? Obrigado Pela Visita Volte Mais Vezes ao Nosso Blog!!! Deus o Abençoe Sempre Em Nome de Jesus e Saiba Que Uma Nova História Deus Tem Pra você e o Melhor de Deus Está Por Vir

te

Bem Vindos

Rádio Keraz Ouça-nos apenas com um clik.

........ ........... .......... OUÇA-NOS, DEUS TEM UMA PALAVRA PARA O TEU CORAÇÃO!!!
LEIA A BÍBLIA

sexta-feira, 18 de maio de 2018

O burro e o poço

O burro de um camponês caiu num poço.
Não chegou a se ferir, mas não podia  sair dali por conta própria.
Por isso o animal chorou fortemente durante  horas, enquanto o camponês pensava no que fazer.
Finalmente, o camponês tomou uma decisão cruel: concluiu que o burro já estava muito velho e que o poço já estava mesmo seco, precisaria ser tapado de alguma forma. Portanto, não valia a pena se esforçar para tirar o burro de dentro do poço.
Ao contrário, chamou seus vizinhos para ajudá-lo a enterrar vivo o burro.
Cada um deles pegou uma pá e começou a jogar terra dentro do poço.
O burro não tardou a se dar conta do que estavam fazendo com ele, e chorou  desesperadamente.
Porém, para surpresa de todos, o burro aquietou-se depois de umas quantas pás de terra que levou.
O camponês olhou para o  fundo do poço e se surpreendeu com o que viu.
A cada pá de terra que caía sobre suas costas o burro a sacudia, dando um  passo sobre esta mesma terra.
Assim, em pouco tempo, todos viram como o  burro conseguiu chegar até a boca do poço, passar por cima da borda e sair  dali trotando…
A vida vai lhe jogar muita terra, todo o tipo de terra, principalmente se  você já estiver dentro de um poço.
O segredo para sair do poço é sacudir a  terra que se leva nas costas e dar um passo sobre ela.
Cada um de nossos  problemas é um degrau que nos conduz para cima.
Podemos sair dos mais  profundos buracos se não nos dermos por vencidos.
Use a terra que te jogam  para seguir adiante!
Recorde as 5 regras para ser feliz:
1 Liberte o seu coração do ódio.
2 Liberte a sua mente das preocupações.
3 Simplifique a sua vida.
4 Dê mais e espere menos.
5 Ame mais e… Aceite a terra que lhe jogam, pois ela pode ser a solução, não o problema.

sábado, 12 de maio de 2018

A Caneta de Deus

Resultado de imagem para A Caneta de Deus
A Mãe deu um pulo assim que viu o cirurgião a sair da sala de operações.
Perguntou: – Como é que está o meu filho?
Ele vai ficar bom?
Quando é que eu posso vê-lo?
O cirurgião respondeu: – Tenho pena.
Fizemos tudo mas o seu filho não resistiu.
Sally perguntou: – Porque razão é que as crianças pequenas tem câncer?
Será que Deus não se preocupa?
– Aonde estavas Tu, Deus, quando o meu filho necessitava?
…O cirurgião perguntou: – Quer algum tempo com o seu filho?
Uma das enfermeiras irá trazê-lo dentro de alguns minutos e depois será transportado para a Universidade.
Sally pediu à enfermeira para ficar com ela enquanto se despedia do seu filho.
Passou os dedos pelo cabelo ruivo do seu filho.
– Quer um cachinho dele? Perguntou a enfermeira.
Sally abanou a cabeça afirmativamente.
A enfermeira cortou o cabelo e colocou-o num saco de plástico, entregando-o a Sally.
– Foi idéia do Jimmy doar o seu corpo à Universidade porque assim talvez pudesse ajudar outra pessoa, disse Sally.
No início eu disse que não, mas o Jimmy respondeu: – Mãe, eu não vou necessitar do meu corpo depois de morrer.
Talvez possa ajudar outro menino a ficar mais um dia com a sua mãe.
Ela continuou: – O meu Jimmy tinha um coração de ouro.
Estava sempre a pensar nos outros.
Sempre disposto a ajudar, se pudesse.
Depois de aí ter passado a maior parte dos últimos seis meses, Sally saiu do “Hospital Children’s Mercy” pela última vez.
Colocou o saco com as coisas do seu filho no banco do carro ao lado dela.
A viagem para casa foi muito difícil.
Foi ainda mais difícil entrar na casa vazia.
Levou o saco com as coisas do Jimmy, incluindo o cabelo, para o quarto do seu filho.
Começou a colocar os carros e as outras coisas no quarto exatamente nos locais onde ele sempre os teve.
Deitou-se na cama dele, agarrou a almofada e chorou até que adormeceu.
Era quase meia-noite quando acordou e ao lado dela estava uma carta.
A carta dizia: - Querida Mãe, Sei que vais ter muitas saudades minhas; mas não penses que me vou esquecer de ti, ou que vou deixar de te amar só porque não estou por perto para dizer: "AMO-TE”.
Eu vou sempre amar.

terça-feira, 24 de abril de 2018

Tem pão velho?

Vou contar um fato corriqueiro, que inesperadamente me trouxe uma grande lição de vida. 

Era um fim de tarde de sábado. 

Eu estava molhando o jardim da minha casa, quando fui interpelada por um garotinho com pouco mais de nove anos, dizendo: - Moça, tem pão velho? 

Essa coisa de pedir pão velho, sempre me incomodou, desde criança. 

Olhei para aquele menino tão nostálgico, e perguntei: - Onde você mora? 

- Depois do Zoológico. 
- Bem longe, hein? 
- É... mas eu tenho que pedir as coisas para comer. 

- Você está na escola? 
- Não. Minha mãe não tem dinheiro para comprar material. 

- Seu pai mora com vocês? 
- Não, ele sumiu. 

E o papo prosseguiu, até que disse: - Vou buscar o pão. 
Serve pão novo? 
- Não precisa, não. 
A senhora já conversou comigo, e isso é suficiente. 

A resposta caiu em mim, como um raio. 
Tive a sensação de ter absorvido toda a solidão e falta de amor daquela criança, daquele menino de apenas nove anos, já sem sonhos, sem brinquedos, sem comida, sem escola e tão necessitado de um papo, de uma conversa amiga. 

Quantas lições podemos tirar dessa resposta: "Não precisa, não. A senhora já conversou comigo, e isso é suficiente". 

Que poder mágico, tem o gesto de falar e ouvir com amor. 
Alguns anos já se passaram, e continuam a pedir "pão velho" na minha casa... e eu, dando pão novo, mas procurando, antes, compartilhar o pão das pequenas conversas, o pão dos gestos que acolhem e promovem. 

Este pão de amor, não fica velho porque é fabricado no coração de quem acredita Naquele que disse: "Eu Sou o pão da vida!" 

Fique atento a quantas pessoas podem estar esperando uma só palavra de acolhimento da sua parte. 

Tem pão velho?

terça-feira, 10 de abril de 2018

Não Desista Mantenha a Condução

Um dia um soldado estava dirigindo a viatura policial e junto a ele o 3°sargento, se depararam com uma tempestade....!! 

O soldado perguntou ao Sargento: O que devo fazer? 

O Sargento lhe disse: "Mantenha a condução". 

Os carros começaram a parar e encostar ao lado e a tempestade estava ficando pior. 

O que devo fazer, Sargento? 

- "Mantenha a condução", respondeu o Sargento. 

Mais tarde, ele notou que um trailer também estava parando. 

Ele disse: "Sargento, eu paro? É terrível. Mal posso ver e todo mundo está parando!" 

O Sargento disse: "Não desista, mantenha a condução!" 

Passados mais alguns quilômetros a tempestade estava muito mais forte, mas ele obedeceu a seu comandante e continuou, apesar da tempestade. 

Logo depois pôde ver um pouco adiante e mais claramente e continuou dirigindo. 

Depois de alguns quilômetros, ele estava em terra seca e um sol firme brilhava. 

O Sargento lhe disse: "Agora você pode parar e sair." 

Ele disse: "Mas porque agora?" 

O Sargento disse: "Quando você sair, olhe para trás e verá que todas as pessoas que desistiram e pararam, ainda estão na tempestade...! Para você, que não parou e nem desistiu, a tempestade acabou." 

Se você está passando por tempos difíceis lembre-se que todos os outros, até mesmo os mais fortes, pararam, ou seja, desistiram. 

Não pare! 
Não desista! 
Senão a tempestade jamais acabará!!! 
Continue, pois logo sua tempestade vai passar e o sol vai brilhar pra você novamente....!!

terça-feira, 3 de abril de 2018

Mensagem para amigo inesquecível

Durante toda minha vida, muitas pessoas passaram por mim, dia após dia. 

Mas somente algumas dessas pessoas, ficaram para sempre em minha memória. 

Essas pessoas são ditas amigas, e as levarei para sempre em meu coração. 

Às vezes pelo simples fato de terem cruzado meu caminho, às vezes pelo simples fato de terem dito uma única palavra de conforto quando eu precisei. 

Às vezes por terem me dado um minuto de sua atenção, e me ouvido falar de minhas angústias, medos, vitórias, derrotas... 

Às vezes por terem confiado em mim, e me contado também seus problemas, angústias, vitórias, derrotas. 

Isso é ser amigo: é ouvir, é confiar, é amar. 

E amigos de verdade ficam para sempre em nossos corações, assim como as pegadas na alma, que são eternas. 

Assim como você, meu amigo, que é muito especial e importante para mim. 

Eu te adoro muito! 

Sua amizade para mim tem um valor enorme, e nada que eu possa dizer a você pode ser tão especial ou mais significativo do que sua amizade é para mim.

quinta-feira, 1 de março de 2018

Quem dobrou seu paraquedas hoje?

Charles Plumb era piloto de avião na guerra do Vietnã. Depois de muitas missões, seu avião foi abatido. 

Plumb saltou de paraquedas. Foi capturado e passou seis anos numa prisão norte-vietnamita. 

Ao retornar aos Estados Unidos, passou a dar palestras relatando sua experiência e o que havia aprendido na prisão. 

Certo dia, num restaurante, foi saudado por um homem, que sorriu, dizendo: — Olá, você é Charles Plumb, era piloto no Vietnã e foi derrubado, não é mesmo? 

— Sim, como sabe? – perguntou Plumb, espantado. 
— Era eu quem dobrava o seu paraquedas. 

Parece que funcionou bem, não é verdade? 

Plumb quase se afogou de surpresa e com muita gratidão respondeu: — Funcionou perfeitamente, caso contrário não estaria aqui hoje. 

Devo minha vida a você! 

Ao ficar sozinho naquela noite, Plumb não conseguia dormir, pensando: Quantas vezes vi esse homem no porta-aviões e nunca lhe disse “Bom Dia”? 

Eu era um piloto arrogante e ele um simples marinheiro aprendiz. 

Pensou também nas horas que o marinheiro passou humildemente dobrando centenas de paraquedas, tendo em suas mãos a vida de pessoas que nem conhecia. 

Agora, Plumb inicia suas palestras perguntando à platéia: — Quem dobrou seu paraquedas hoje?

sábado, 24 de fevereiro de 2018

Acorde Para a Vida

Na África todas as manhãs, a mais lenta das gazelas acorda sabendo que deve conseguir correr mais depressa do que o mais rápido dos leões se quiser se manter viva. 

E todas as manhãs o mais lento dos leões acorda sabendo que deve correr mais depressa do que a mais rápida das gazelas, se ele não quiser morrer de fome. 

Moral da História: 

Não faz diferença se você é a gazela ou o leão, quando o sol nascer comece a correr!

Google+ Badge

RADIO AGRADECER


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...